sábado, 7 de janeiro de 2012

MORTE NA PRAIA – Agatha Christie


Há tempos não me divertia tanto com um livro de Agatha! “Morte na Praia” (“Evil Under the Sun” no original) certamente figura entre os melhores da Rainha. Uma trama finamente elaborada, com um assassinato tão meticulosamente planejado que não poderia existir em outro lugar além das páginas de um romance de Agatha Christie.

Cheguei a pegar esse livro para ler antes, mas pensei que já o tinha lido, iludido pelas semelhanças superficiais com outra história de Agatha Christie: “O Triângulo de Rhodes”. Hercule Poirot hospeda-se em um hotel à beira do mar, disposto a aproveitar alguns dias de repouso e das belas paisagem inglesas. Mas um misterioso crime aparece em seu caminho. Como não poderia deixar de ser, o craque chama a bola.

O autor clássico de romances policiais é meio como um mágico apresentando seus truques. Você tenta descobrir como a mágica foi feita, mas ficará decepcionado se conseguir desvendar o mistério. Em “Morte na Praia”, a prestidigitação foi executada com perícia ímpar. Fui completa e deliciosamente ludibriado!!!

São atrativos à parte os irônicos comentários da autora a respeito da idade de seu mais famoso personagem. Como estimou o biógrafo Jeffrey Feinman, Poirot tinha mais de 100 anos quando resolveu boa parte de seus casos. Agatha Christie chegou a declarar que não teria criado Poirot já tão velho se soubesse que ele faria tanto sucesso...

Uma outra abordagem mais “viajante” fica por conta de uma leitura psicológica. Acreditei ter enxergado nesse “Morte na Praia” alguns elementos de elaboração de um dos maiores traumas sofridos pela autora, que foi a descoberta de que seu primeiro marido estava tendo um caso.

Ao final do livro, uma pequena nota biográfica forneceu uma interessante informação. Agatha Christie sofreu diversas recusas antes de conseguir publicar seu primeiro romance, “O Misterioso Caso de Styles”. Mais um maravilhoso exemplo de persistência do verdadeiro talento.

Obrigado, Agatha, por não ter desistido tão facilmente! A minha vida sem você teria tido muito menos graça!

2 comentários:

  1. Este eu ainda não conheço, mas chego lá. Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  2. Esse é um dos meus preferidos, acho até que o livro dela que mais reli... =)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...